Google+ Badge

sábado, 18 de julho de 2009

Brad Pitt e Angelina Jolie podem viver Sr. e Sra. Smith novamente

Quatro anos depois do lançamento de Sr. e Sra. Smith, começam a surgir rumores de que Brad Pitt e Angelina Jolie vão estrelar a sequência do filme.
Segundo o National Enquirer, os atores estão envolvidos diretamente no projeto e já pediram ao roteirista do primeiro filme, Simon Kinberg, que escreva o script da sequência. "Kinberg se tornou um amigo bem próximo do casal, e Brad pediu que ele escreva a sequência do filme", teria dito um amigo próximo do casal.

A mesma fonte teria afirmado que o segundo filme deve incluir os filhos do casal e que, no fundo, o que eles querem é salvar seu casamento. "Eles esperam se apaixonar novamente. Querem reaver aquele mesmo magnetismo das filmagens do primeiro filme".

Se os boatos se confirmarem, a sequência de Sr. e Sra. Smith promete ser um outro grande sucesso. O primeiro filme, dirigido por Doug Liman, arrecadou mais de 400 milhões de dólares em todo o mundo.

quarta-feira, 15 de julho de 2009

Gatos ronronam para manipular humanos, diz estudo

O ronronar específico para chamar atenção dos humanos tem uma frequencia parecida com o de bebês, segundo o pesquisador
Os gatos usam um ronronar específico para influenciar e manipular humanos, de acordo com um estudo feito na universidade britânica de Sussex.
Segundo a pesquisa, publicada na revista científica "Current Biology", ao contrário do ronronar normal, este outro incorpora um som com uma frequência parecida com o de bebês humanos. O ronronar específico para chamar atenção dos humanos tem uma frequencia parecida com o de bebês, segundo o pesquisador
Karen McComb, que liderou o estudo, disse que a pesquisa foi inspirada em seu próprio gato de estimação, Pepo.
"Ele me acordava pelas manhãs com um ronronar realmente irritante", disse ela.
"Descobri que outros donos de gatos também passam pela mesma coisa."
McComb disse que esse tipo de som, ao contrário de fazer com que os gatos fossem expulsos, geralmente levava os donos a alimentarem os animais.

Para descobrir o mecanismo de "manipulação", a equipe de pesquisadores treinou voluntários para gravar todos os tipos de ronronar de seus gatos.

Os voluntários classificaram os sons emitidos pelos animais - alguns eram descritos como mais urgentes, enquanto outros foram classificados como mais agradáveis.

A equipe então relacionou os sons específicos à classificação dada pelos voluntários. Os resultados sugerem que os ruídos mais "solicitantes" estavam relacionados ao ronronar de frequencia mais baixa.

"Quando tocamos as gravações para outros voluntários, mesmo aqueles sem experiência de gatos consideraram o ronronar 'solicitantes' mais irritantes e urgentes", disse ela.

"Os gatos conseguem produzir um ruído de baixa frequencia usando os músculos de suas cordas vocais, estimulando-as a vibrar", disse ela.

"Acreditamos que eles aprenderam a exagerar dramaticamente isso quando sabem que vão gerar uma resposta humana", diz.

Estudos anteriores já haviam apontado semelhanças entre o ronronar dos gatos de estimação com o choro dos bebês humanos.
Fonte:Da BBC Brasil

Gatos ronronam para manipular humanos, diz estudo

O ronronar específico para chamar atenção dos humanos tem uma frequencia parecida com o de bebês, segundo o pesquisador
Os gatos usam um ronronar específico para influenciar e manipular humanos, de acordo com um estudo feito na universidade britânica de Sussex.
Segundo a pesquisa, publicada na revista científica "Current Biology", ao contrário do ronronar normal, este outro incorpora um som com uma frequência parecida com o de bebês humanos. O ronronar específico para chamar atenção dos humanos tem uma frequencia parecida com o de bebês, segundo o pesquisador
Karen McComb, que liderou o estudo, disse que a pesquisa foi inspirada em seu próprio gato de estimação, Pepo.
"Ele me acordava pelas manhãs com um ronronar realmente irritante", disse ela.
"Descobri que outros donos de gatos também passam pela mesma coisa."
McComb disse que esse tipo de som, ao contrário de fazer com que os gatos fossem expulsos, geralmente levava os donos a alimentarem os animais.

Para descobrir o mecanismo de "manipulação", a equipe de pesquisadores treinou voluntários para gravar todos os tipos de ronronar de seus gatos.

Os voluntários classificaram os sons emitidos pelos animais - alguns eram descritos como mais urgentes, enquanto outros foram classificados como mais agradáveis.

A equipe então relacionou os sons específicos à classificação dada pelos voluntários. Os resultados sugerem que os ruídos mais "solicitantes" estavam relacionados ao ronronar de frequencia mais baixa.

"Quando tocamos as gravações para outros voluntários, mesmo aqueles sem experiência de gatos consideraram o ronronar 'solicitantes' mais irritantes e urgentes", disse ela.

"Os gatos conseguem produzir um ruído de baixa frequencia usando os músculos de suas cordas vocais, estimulando-as a vibrar", disse ela.

"Acreditamos que eles aprenderam a exagerar dramaticamente isso quando sabem que vão gerar uma resposta humana", diz.

Estudos anteriores já haviam apontado semelhanças entre o ronronar dos gatos de estimação com o choro dos bebês humanos.